Resenha da Rodada – Brasileirão – Rodada 3

0

 

Sou o Bruno Costa e está no ar a Resenha Pós 3ª Rodada!

 

Essa não foi aquela rodada sensacional, onde um dos mais escalados do Brasil deu aquela mitada mas rolou uma pontuação razoável até, com alguns mini ataques cardíacos para equilibrar a euforia.

Sabadão de clássicos honrados com sucesso. Vascão abriu a rodada encarando em casa o Fluminense, todo empolgadão com 2 vitórias, que por sinal, IMG-20170529-WA0014teve o Ceifador mitando de novo – tá pior que o CR7 no rei da rodada pela Liga Espanhola – batendo aqueles pênaltis marotos olhando pro goleiro, correndo devagarzinho quase brecando e sempre colocando no canto oposto do guarda metas. Só que não contavam com o Manga quebrando a banca… Essa aí o cão não chupa não, chama a responsa mesmo e decidiu, ao lado do mito Nenê no último minuto, o jogo por 3 X 2. Jogão!!!

Em seguida, foi a vez do clássico paulista, onde o Tricolor virou Tricolaço e sapecou a Porcada. Aliás, o tabu prevaleceu no Morumbi com 15 anos sem o Verdão vencer o São Paulo lá e teve “porco no prato”. O Urso deu aquela mitada, marcando o dele e ainda servindo Luís Araújo para fechar o caixão – dando aquele nó tático no Cuca, coisa rara de se ver – e dando números finais para a partida, 2 X 0 e XÔ ZICA!

Fechando o dia, rolou a bola entre Vitória e Coritiba, onde houve a primeira zebra da rodada. Nem com Kieza retornando o Rubro Negro Baiano deu conta de marcar pela primeira vez no Brasileirão e também vencer a primeira partida. Final, 1 X 0 Coxa Branca, colocando pra trabalhar muito o goleirão do Vitória (por enquanto, o nome do time tá parecendo pegadinha do Malandro).

Domingo logo cedo vem aquele jogo que praticamente todos cartoleiros queriam ver e ter aquela mitada… E ela veio, só que foi uma zebraça com o Lucca roubando a cena! O Atlético MG suou, mas suou muito para empatar com a Ponte Preta em casa, que virou o jogo em FB_IMG_1495988420806 menos de 5 minutos. Todo mundo esperando o pentelho Cazares dar aquela aprontada  e nada… Beleza, ainda tem o Frederico pra mitar… e NADA! Foi um 2 X 2 com pontuações razoáveis por conta do Atlético e que ferrou os cartoleiros perdendo o SG. O lazarento do Roger Machado não joga cartola, tirou o Cazares! Maaano, devia ter um regulamento proibindo substituir o mais escalado, por questões de segurança mesmo, senão o treinador apanha um dia desses.

Rolaram mais 3 jogos nas 16h, onde o Flamengo foi até a Arena da Baixada enfrentar o Atlético PR e saiu de lá com um bom empate por 1 X 1 na estreia de Eduardo Batista no comando do Furacão. Joguinho morno sem boas pontuações para os cartoleiros, onde os autores dos gols, Mancuello e Thiago Heleno não fizeram a alegria de muita gente pois poucos os escalaram.

Outra zebra ficou por conta do Peixe que levou uma fumada da Raposa em plena Vila Belmiro. Dessa vez o Arrascaeta, Semi Deus e descendente dos Sayajin, não precisou aprontar para vencer o jogo, deixou o Thiago Neves estrear no Brasileirão e calar a Vila, vencendo o Santos por 1 X 0 e deixando o Peixe um tanto abalado para o clássico da próxima rodada lá no Itaquerão contra o Corinthians.

E por falar em Corinthians, o Timão foi até o Serra Dourada e bateu por 1 X 0 o fraco 2eqmabx3ki_3xxaju6zt9_fileAtlético GO, seríssimo candidato ao rebaixamento. O Jogo contou com a estreia de Clayson, ex Ponte Preta, que ainda teve tempo de formar uma dupla sertaneja com o Clayton, “Clayson & Clayton”. Para variar, Reidriguinho marcou o dele e garantiu 8 pontos no meu Cartola e mais uma vez o Romero pontou bem bagarai sem fazer gol ou dar assistência.

No jogo das 18h, o Sport recebeu o time reserva do Grêmio e deu um puta susto na torcida:IMG-20170528-WA0026 saiu perdendo de 2 a 0 mas correu atrás e virou o jogo para 4 a 3. O destaque da rodada ficou por conta do André Balada, que sem o Diego Showza para dividir os gols, meteu um hatrick e pediu música no Fantástico, recuperando-se do tropeço contra o Cruzeiro.

Fechando o Domingo, o Botafogo venceu com uma vitória magrinha, o Bahia e seu ataque goleador. Dessa vez eles não contavam com o Gatito “El Mito” do outro lado, que catou tudo e mais um pouco, garantindo o SG para a zaga e anotando 19,7 pontos, incrível atuação!

Bruno Silva, volantão que chuta mais a bola no Juiz do que no gol, mais uma vez anotou o seu, já que o ataque Botafoguense tá zicado e não consegue marcar gols. Final, Botafogo 1 X 0 Bahia.

Segunda, a rodada fechou com a Chape vencendo o clássico e salvando o cartola de 90% da galera. Os destaques ficaram por conta de Wellington Paulista e o Kingnaldo, cada um anotando o seu e elevando geral a pontuação dos cartoleiros, este último meteu logo 15,8 pontos, mitando na saideira da rodada.FB_IMG_1496146220558

É isso aí rapaziada! Rodadinha até que foi boa, as valorizações voltam ao normal agora, facilitam a compreensão do pessoal e na próxima belos clássicos prometem infernizar as escalações dos cartoleiros. Mal posso esperar para mitar mais uma vez nesse ano e começar Junho com o pé direito.

Até a próxima!

COMPARTILHAR
Artigo anteriorCartola FC Raio X da 3ª Rodada
Próximo artigoCartola FC Dicas 4ª Rodada
Formado em Administração pela Universidade Braz Cubas, reencontrei a paixão pelo futebol há alguns anos graças ao Cartola. Desde então, entro em temporada de Maio a Dezembro e depois hiberno na saudade até o próximo Brasileirao... Kkk Gosto de um futebol ao vivo também e não decepciono. Se precisar de um garçom no seu time, dá no pé do pai aqui que eu resolvo...😂😎🎩

SEM COMENTÁRIOS

Tem um comentário ? Desembuche!